Dando continuidade as apresentações da Semana da Consciência Negra em São Sebastião, na tarde de sábado (18/11) as crianças do Projeto Garoçá participaram do XI Encontro de Capoeira da Angola, realizado na tenda principal da Praça de Eventos, na Rua da Praia.

Os alunos da Costa Norte do município prestigiaram o evento acompanhados do professor de capoeira, Alex Getúlio e realizaram uma apresentação da dança Maculelê, que no folclore brasileiro representa uma batalha entre duas tribos africanas, Macua e Lelê.

“A capoeira é uma ferramenta de transformação social e cultural, através da qual podemos diariamente fortalecer e valorizar a nossa história”, explicou Getúlio.

O Projeto Garoçá tem como diferencial as inúmeras atividades extra salas promovidas pela coordenação. Além dos trabalhos realizados dentro do projeto, é comum as crianças participarem de vivências conjuntas com outros órgãos. “O Garoçá é muito legal e importante, pois leva a gente sempre pra conhecer novos lugares e aprender muitas coisas”, disse o aluno Kauã Siriane, de 10 anos.

De acordo com a coordenadora do Projeto, Luciana Gallani, o Garoçá não poderia ficar de fora das ações da Semana da Consciência Negra no município. “Ficamos muito felizes em participar, prestigiar e valorizar este evento com ações transformadoras que priorizam o fortalecimento de vínculo através do conhecimento da nossa cultura”, comentou Luciana.

O Projeto Garoçá é uma entidade social da Associação Sebastianense de Promoção Social (ASPS) em parceria com a Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Humano (SETRADH) da Prefeitura Municipal. Nele são atendidas 140 crianças entre 6 e 12 anos, as quais praticam aulas de judô, dança, esportes, capoeira e artesanato.