A Prefeitura de São Sebastião, por meio da secretaria de Urbanismo (SEURB), aprovou, em 2019, mais de 95 mil metros quadrados para início de novas obras em todo o município. Ao todo, foram 95.521,77 m² (metros quadrados) aprovados.

Só em habite-se foram mais de 47 mil metros quadrados aprovados pela secretaria de Urbanismo no ano passado. Esse número pode ser entendido quando a obra já está finalizada e pronta. O documento habite-se dá uma segurança que o imóvel foi construído dentro das normas estabelecidas pela prefeitura.

Geração de empregos

Os dados comprovam que São Sebastião seguiu os indicadores nacionais e acompanhou a geração de empregos na indústria da construção. De acordo com os dados do SindusCon-SP (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo, só em 2019, o mercado da construção cresceu 2%, podendo ter um crescimento de até mais 3% em 2020.

No último relatório disponibilizado pelo CAGED (Cadastro Geral de Empregados Desempregados), em novembro, a cidade registrou um aumento na geração de postos de trabalho. Foram 140 vagas, um dos melhores índices da economia do Litoral Norte do Estado de São Paulo.

IPTU

Em todo o ano passado, a secretaria de Urbanismo concluiu cerca de 540 processos. Com o aumento das emissões dos habite-se, aumenta também a arrecadação do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) da cidade.

Para o secretário de Urbanismo, Amauri Ferreira de Moraes, os números justificam os resultados em São Sebastião. “Entendemos que quanto mais o município arrecada e regulariza, melhores serão os benefícios para os munícipes, e o prefeito Felipe Augusto sempre nos cobra eficiência nos processos da secretaria”, disse.